Avançar para o conteúdo principal

O que me levou a criar este blogue

Gostaria de deixar aqui umas palavrinhas a explicar qual a razão de eu ter criado este blogue.

Não foi o primeiro a ser criado, em tempos tive outro no qual escrevia com pouca regularidade e assinando com um pseudónimo. Entretanto, perdi por completo a vergonha e decidi dar a cara! lol Achei que não deveria ter qualquer receio em partilhar um pouco de mim, seja o lado mais agradável como aquele mais taciturno e problemático! Sim, todos temos problemas e eu não seria excepção! O objectivo de dar a conhecer um pouco da minha vida, do que é viver com depressão desde os 20 anos (já vão 15 anos), de ter passado por um período (alguns anos) em que tive e vivi com anorexia, de ainda estar a lutar contra o transtorno obsessivo compulsivo (ainda que hoje esteja muito mais controlado), em suma: do que tem sido sobreviver ao longo dos anos!

Não sou de todo a paciente ideal para qualquer psicoterapeuta ou outro profissional de saúde, sou extremamente teimosa e de ideias fixas, difíceis de serem alteradas. Não quero de todo ser reconhecida ou ter qualquer fama a partir deste blogue! Quero sim, poder ajudar quem estiver a passar pela mesma situação, se possível estabelecer uma entre ajuda e troca de experiências.

NÃO quero que me vejam como qualquer exemplo a seguir, pois não o sou! Alerto muitas vezes em algumas publicações para não agirem da mesma forma que eu tenho vindo a fazer ao longo dos anos e que nada me tem ajudado a superar o problema! O facto de ser teimosa só me tem prejudicado e um problema que poderia ser resolvido em meses acabou por se alastrar durante anos.

Por favor:
  • Desabafem e partilhem os vossos problemas, aflições, desabafos, tristezas e/ou alegrias com um amigo/a de confiança.
  • Procurem ajuda especializada quando assim o necessitarem, sem medos ou preconceitos. Não deixem que o problema se alastre ao longo dos anos sem o resolverem.
  • Não escondam, omitam ou mintam ao vosso psicoterapeuta. É importante dizerem sempre a verdade, mesmo que doa ou que sintam vergonha por não estarem a cumprir com os objectivos estabelecidos. Esforcem-se ao máximo por seguir as directrizes recomendadas por quem vos segue.
  • Acreditem mais em vocês, na vossa capacidade de superar os obstáculos, na vossa força e coragem para lutar e seguir em frente mesmo quando à volta tudo parece estar a desmoronar.
  • Mantenham sempre a esperança de que o melhor ainda está para vir. Pode demorar, mas não é impossível de ser alcançado!
  • Acima de tudo: Amem-se tal como são, com as vossas qualidades e defeitos. Se desejam mudar algo, há que ir à luta mesmo sabendo que pode não ser fácil e muito doloroso ou demorado. Há aspectos que dificilmente conseguimos mudar, como por exemplo: eu sou baixinha (1.54m), nada posso fazer para mudar esta situação a não ser usar uns saltos altos. Para quê me revoltar com esta situação? De nada me ia valer! Neste caso, só tenho que aceitar-me tal como sou e aprender a gostar e a usufruir deste aspecto. Acreditem que tem as suas vantagens. Este foi apenas um exemplo, certamente que encontram outros nas vossas vidas.
  • Lutem sempre pelos vossos sonhos e por aquilo que vos faz mais felizes e realizados!
Para quem acompanha o meu blogue sabe que em determinadas fases da minha vida alguns ou até muitos dos itens acima referidos não foram cumpridos. Cometi muitos erros e espero que através da partilha dos mesmos vos chame a atenção para que NÃO tenham o mesmo tipo de comportamento. Ajudem-se a si mesmos e não sejam o vosso pior inimigo. Não estejam constantemente a boicotar a vossa felicidade e acreditem na vossa capacidade de mudar o mundo, começando por mudar algo em vocês, esse "algo" que vos impede de rumar em busca da felicidade. Muitas vezes não é o "mundo" (os demais que nos rodeiam) que tem de mudar, mas sim nós próprios!

Estarei sempre por aqui disposta a ajudar, dentro do que me for possível e esteja ao meu alcance. Entre em contacto comigo, partilhem as vossas experiências. Este espaço não é apenas meu, também é vosso!

Sejam felizes e sonhem muito!!

Popular Posts

Pequenos prazeres da vida #1

Olá Sonhadoras(es)! :) 
Hoje resolvi trazer algo de diferente na tentativa deste local não se tornar no meu muro de lamentações. Não quero que comecem a ver este espaço como um blogue onde só se partilham tristezas ou desilusões. É verdade que passo por momentos menos bons, com alguns sustos e abalos pelo meio, mas felizmente a minha vida não é só desgraça e coisa ruim! Tenho aprendido a dar mais valor ao que possuo e ao que realmente importa. Aos poucos tudo se irá recompor e regressará ao lugar certo. Haja esperança!! :)


Vou partilhar mais uma das minhas preferências e que se tornou num bom programa para final de dia/início de noite, seja no inverno como no verão. Nada mais nada menos do que: beber um bom chá, num local agradável com uma decoração diferente e acolhedora e, se possível, com uma excelente companhia.



Deixo aqui alguns dos meus locais preferidos na cidade do Porto onde se pode degustar um bom chá.

✔Khan el Khalili -casa de chá/bar egípcia, com uma excelente decoração e …

"Solidão" estranhamente reconfortante!

Olá Sonhadoras(es)!
Como têm estado? A aproveitar as férias da melhor forma possível?

Deste lado não tem estado fácil! As altas temperaturas não ajudam em nada. Não me dou bem com o calor, sinto-me sem forças, parece que tenho de despender o triplo da energia para fazer seja o que for. É esgotante, cansativo! Dava tudo para estar num local bem mais ameno com um vento fresquinho a bater no rosto! Parece que este calor veio para ficar por isso, tenho mesmo que me habituar e coordenar o meu dia-a-dia da melhor forma para que consiga fazer aquilo a que me propus há uns meses atrás. 
Tirando estes percalços, tenho-me sentido "estranha" de há uns tempos para cá. Talvez este não seja o adjectivo mais correcto para descrever este estado de alma. Tenho optado por passar grande parte do tempo sozinha e estranhamente, estou a gostar de tal forma dessa dita "solidão" que me tem surpreendido e gerado alguma incompreensão naqueles que me rodeiam. 
É certo que, à medida que vamos…

Confissões #1

Mar, Praia, Areia, Ondas... O cheiro a maresia, o barulho das ondas a baterem nos rochedos, a espuma que cada uma delas deixa na areia, sentir no corpo o sal do mar, observar a infinidade de cores, tamanhos e formas dos pequenos seixos dispersos por entre os grãos de areia. Sentir uma enorme paz, tranquilidade, serenidade...  Tantos outros sinónimos se poderiam juntar a estes e, no entanto, não seriam suficientes para descrever o que sinto quando permaneço junto ao mar.
É um dos locais onde toda a minha angústia, tristeza e problemas se desvanecem. Nenhum antidepressivo ou substância psicotrópica tem este efeito sobre mim. Nada se aproxima da harmonia, bem-estar e equilíbrio que o mar me transmite! Há alturas em que este banho de mar é o único balsamo que me consegue acalmar! A água tem este poder sobre mim! E hoje foi mais um desses dias em que tal sucedeu!
Por vezes, pensamos que determinada situação da nossa vida está mais do que resolvida. Que tal sentimento permanece guardado na ga…